Discurso em Plenário - 14/02

 

Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados,

 

O termo “fundo do poço” foi a metáfora do país no último ano, herança da profunda crise que assolou a economia, a política e levou a credibilidade do Brasil ao chão. Felizmente, as projeções de mercado para 2017 indicam o início da recuperação do país, com a queda da inflação e da taxa básica de juros e o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), mesmo que ainda tímido. O momento é favorável à retomada do crescimento, porém é preciso cautela para que as projeções tenham impacto na geração de emprego e renda dos brasileiros.

 

O último Boletim Focus, levantamento divulgado pelo Banco Central, do mês de janeiro, prevê um leve crescimento do PIB, de 0,5%, em 2017. Já a inflação, que fechou 2016 em 6,29%, deve ficar, de acordo com os especialistas, em 4,7% e a taxa básica de juros, a SELIC, que iniciou janeiro em 13,75%, deve finalizar dezembro na casa dos 9%. Os indicadores animaram o Governo, que enxerga a volta do crescimento no país já no primeiro trimestre do ano.

 

A solidez do projeto econômico do atual governo precisa agora chegar ao seu ponto máximo: o combate ao desemprego. É evidente que a sangria teve seu auge com o fracasso da política econômica do governo anterior e com a instabilidade proporcionada por ele. Porém, o incentivo às indústrias e micro e pequenas empresas, ao agronegócio, comércio varejista e a revisão de nossa carga tributária podem elevar as projeções e devolver a estabilidade às famílias brasileiras.

 

Mais do que isso, o alívio nas contas públicas pode combater o sufoco que as prefeituras tem enfrentado neste início de gestão. Com o país quebrado, é inviável pensar em grandes investimentos sem corrigir o deficit nas contas e garantir recursos em setores básicos como saúde, educação, segurança, saneamento e políticas públicas e ainda encarar epidemias como a de febre amarela em Minas Gerais. A palavra de ordem para os gestores municipais e estaduais é DESAFIO, porém com a certeza de que, agora sim, temos organização e potencial de prever quando a tempestade vai passar.

Please reload

Destaque

15º deputado federal mais votado do país, Misael Varella é o campeão entre os estreantes em Minas

December 25, 2014

1/3
Please reload

Notícias Recentes

February 19, 2020

Please reload

Deputado Federal Misael Varella - 2019/2022