Discurso - "O MST tem violado os princípios democráticos da Constituição"


Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados,

novamente a sociedade vem reprovar a atuação de movimentos irresponsáveis que, à margem da lei, promovem invasões e destruição do patrimônio público e privado, afrontam as autoridades federais e estaduais.

Em respeito aos brasileiros, quero manifestar o meu repúdio a essas invasões do MST. Juntamente com o Secovi-SP, SindusCon-SP e FIABCI-Brasil manifesto o meu total repúdio à pregação criminosa do senhor João Pedro Stédile, do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra).

O MST tem violado os elementares princípios democráticos inseridos na Constituição Brasileira; princípios que são permanentemente defendidos por nossa sociedade.

Não podemos aceitar um movimento que incita a violência e instaura um cenário de insegurança e lança para o mundo a falsa percepção de que as leis não são respeitadas e nem tão pouco aplicadas com o devido rigor em nosso território.

Repelimos quaisquer iniciativas dessa natureza, pois elas traduzem o total desrespeito aos cidadãos cumpridores das leis, ao Poder Judiciário e à Legislação.

Não podemos substituir os ideais de justiça, desenvolvimento e liberdade por aqueles defendidos por movimentos anárquicos e antidemocráticos: violência, ilegalidade e autoritarismo.

O setor produtivo não pode ficar calado diante de fatos.

O MST viola os direitos humanos dos trabalhadores que de sol a sol trabalham para sustentar as suas famílias.

O MST viola o sagrado direito de propriedade ao saquear, invadir e sequestrar os produtores rurais.

O MST viola também o direito dos animais ao roubar e abatê-los com toda a crueldade.

O MST viola até o direito das plantas ao destruir viveiros e plantações de suas espécies mais elaboradas.

E por fim, o MST viola a civilização ao subverter a ordem e os valores de nossa sociedade.

Sr. Presidente, Minas Gerais tem o orgulho de uma sociedade formada por pessoas honradas, honestas e trabalhadoras. Vamos fazer justiça e prestar nossas justas homenagens àqueles que merecem.

Tenho dito.


Destaque
Notícias Recentes

Deputado Federal Misael Varella - 2019/2022